TROFÉU CAJU DE OURO 2015

Jpeg

Troféu Caju de Ouro

O Instituto Caju Nordeste sempre atento aos avanços tecnológicos da cultura do cajueiro e ao desenvolvimento de sua cadeia produtiva, procura fazer justiça homenageando os principais responsáveis durante a solenidade de abertura do Caju Nordeste.

Este ano, foi instituído o TROFÉU CAJU DE OURO 2015. A razão destas outorgas é um reconhecimento às contribuições, conquistas e realizações a personalidades e instituições, que se destacaram por suas ações em prol do engrandecimento do segmento da cajucultura em nosso estado e na região, nas seguintes Categorias:

 

 

1º AGRACIADO:

– Categoria Pesquisa – Equipe de Fisiologia e Tecnologia Pós-colheita da Embrapa Agroindústria Tropical.

O referido trabalho possibilitou a comercialização do caju como fruto de mesa nos mercados mais distantes do Sudeste do País.

Ricardo Elesbão Alves, Heloísa Almeida Cunha Filgueiras, Ebenézer de Oliveira Silva, José Luiz Mosca e Carlos Farley Herbster Moura

2º AGRACIADO:

– Categoria Técnico – José Ismar Girão Parente.

Engenheiro Agrônomo, Mestre em Agronomia com o trabalho: Estudos Fenológicos do Cajueiro no Litoral do Ceará. Cursos de Especialização: Administração de Empresas, Elaboração e Avaliação de Projetos, Metodologia de Pesquisa e Estatística, Administração em Ciência e Tecnologia.

3º AGRACIADO:

– Categoria Produtor – Raimundo Everardo Mendes Vasconcelos.

Produtor Rural, graduado em agronomia pela UFC em 1972. Atua na área de avicultura desde 1969 e na agropecuária, tendo o caju, seu principal produto, com uma área de 400 hectares em que todas as plantas são precoces.

4º AGRACIADO:

– Categoria Instituição – Serviço Nacional de Aprendizagem Rural – SENAR–CE.

Instituição que tem a Missão de “Promover a educação profissional e tecnológica, a inovação e a transferência de tecnologias industriais, contribuindo para elevar a competitividade da indústria brasileira”.

5º AGRACIADO:

– Homenagem Póstuma – Jaime Thomaz de Aquino.

Ex Presidente da CIONE – Companhia Industrial de Óleos do Nordeste. Morreu aos 91 anos no dia 16 de Abril de 2015.

6º AGRACIADO:

– Categoria Político – Dep. Estadual Manuel Duca da Silveira Neto (Duquinha).

Estreou na política como Prefeito Municipal de ACARAÚ de 1977 a 1983. Foi eleito Deputado Estadual por cinco mandatos de 1987 a 2004. Autor da Lei 15.042 que instituiu o dia do Caju no Estado do Ceará; autor do projeto para alterar a Lei 13.096 e incluir o Caju na merenda escolar de todos os alunos do ensino na rede publica do Ceará.